sábado, 31 de janeiro de 2015

Perguntas fundamentais a calvinistas e arminianos


Prezados leitores, sei que comungam das duas visões. Uns calvinistas, outros arminianos. Há, porém, algumas poucas e fundamentais perguntas a serem feitas aos dois grupos, especialmente num momento de recrudescimento da tensão (preencha o espaço com arminiano ou calvinista, conforme suas convicções):

- Amigo(a) _______________ tens lido a Bíblia? Sim!? Sei como é importante a leitura de livros inspirados, escrito por homens e mulheres cristãos, além da leitura secular, mas estás dando prioridade à Palavra de Deus? Por que, por exemplo, não iniciar a leitura da Bíblia toda este ano? Ou a leitura no Novo Testamento? Leio postagens de metas de ler esse ou aquele outro livro da tua linha teológica, até postas a capa deles. Deixa te dizer uma coisa: Se eu lesse e relesse todos meus 400 e tantos livros nada se compararia à minha surrada Bíblia!

- Prezado(a) _______________ és um bom filho? Bom pai? Bom marido? Bom cidadão? Bom funcionário? Bom amigo? Bom vizinho? Bom membro? Digo isto porque é necessário dar exemplo aos de fora e aos de dentro da Igreja, sejam judeus, sejam gregos, como disse Paulo. Embora compreenda que devemos fazer isto não para ser salvo, mas por ser salvo, de fato, sem estereótipos, podes ser conhecido e reconhecido, por tua conduta, como um salvo? Ou tua luz não brilha? És sal que salga realmente? Fazes a diferença por onde passas?

- Amigo(a) _______________ por falar em Igreja, tens estado nos cultos? Ou ficas apenas influenciando com tuas ideias pessoas com ou sem afinidade com o que crês? Tens ido, por exemplo, aos templos dos que creem de forma diferente da tua, somente para atacar, contrapor e causar escândalo? Em que ministérios estás envolvido em tua Igreja? Ou és um peso morto de insatisfação?

- Prezado(a) _______________ tens influenciado o mundo ao teu redor? Ou tens sido influenciado? Tens falado de Cristo a teus amigos desviados ou incrédulos? Tens estendido as mãos para ajudá-los, dando bom testemunho de hospitalidade e fraternidade cristã? Ou tens te omitido como o sacerdote da parábola do bom samaritano? Amas a mediocridade e a indolência? O Diabo é teu inimigo?

- Amigo(a) _______________ teus estudos bíblicos tem produzido mais santidade? Ou apenas inchaço carnal do tipo que se sobrepõe e orgulha de esmagar o parco conhecimento dos demais? Tens sentido mais a presença de Deus? Tens orado mais? Jejuado mais? Tua prioridade é aquilo que é supérfluo? Ou tens orado pelos mais fracos, mais pobres, mais necessitados? Tens lembrado, por exemplo, dos irmãos em perseguição mundo afora, aonde não podem sequer portar uma Bíblia?

- Prezado(a) _______________ sabias que esta polêmica tem pelo menos quinhentos anos? Ou seja, são coisas do tipo: Quem são as duas testemunhas de Apocalipse 11? Por que só existe vida na Terra? Por que são vinte e quatro anciãos e quatro seres viventes? As respostas a perguntas assim não fazem a menor diferença para a tua salvação! Ao fim das contas, não importa se foste calvinista ou arminiano. Somente se teu nome está no Livro da Vida. Quer tenha sido escrito por algum desígnio eterno ou por tua aceitação a Cristo! Eu, você, nós. precisamos é estar preparados para o Arrebatamento da Igreja. Aliás, a volta de Jesus te soa necessária e iminente?

Um comentário:

Elinaldo Renovato disse...

As perguntas são por demais interessantes. De fato, não adianta ser calvinista ou arminiano, se não vive em santidad, se não cuida da família, se não valoriza a casa do Senhor. Só saberemos tudo que é verdaqde, quando chegarmos lá no céu. que Deus os abençoe.